Blogger Template by Blogcrowds.

Quem pode escrever um livro? Na realidade, todo mundo pode, desde que se disponha a tanto. Antigamente os iniciantes mendigavam uma aprovação das editoras, e muitos talentos suaram para conseguir ter seu primeiro livro exposto em alguma livraria. Um exemplo disso é Miguel Torga, cujo primeiro livro foi publicado com recursos próprios. Outro é o do aclamado Ulysses, de James Joyce, publicado a duras penas com recursos de Sylvia Beach. Outro é o da mais famosa escritora de livros infantis, Beatrix Potter, rejeitada por uma editora e publicada pela primeira vez graças ao apoio financeiro de seu pai. E por aí vai.
Hoje mudou tudo. Os autores independentes escrevem e publicam seus livros para satisfazer a um impulso incontrolável de colocar suas idéias em papel ou eBook, ou fazer um registro para a posteridade, mais do que para atender puramente a uma vaidade pessoal, como achava o senhor Garamond do livro de Umberto Eco.
O escritor Washington Conceição, engenheiro formado pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, publicou seu primeiro livro, Histórias do Terceiro Tempo, aos 76 anos e não parou mais.
Leia mais


Em seu Para você se animar a escrever seu livro, cuja segunda edição ampliada saiu no mês de julho, ele transfere ao leitor o que aprendeu e dá alguns conselhos ao escritor iniciante. Como ele próprio explicou:

O objetivo deste livro é oferecer estímulo e orientação para pessoas que tenham vontade de escrever e publicar livros, crônicas, artigos e ainda não saibam como fazê-lo. E, também, de passar, àqueles que já escrevem, dicas técnicas de professores e informações sobre diferentes formas atualmente disponíveis de publicação. 

Se você tem histórias para contar – e quer contá-las – não se preocupe em verificar se tem ou não talento ou vocação. Escreva do jeito que for capaz, pois se precisar de alguém para ajudar com a linguagem, contrate; se precisar de auxílio nas revisões, use. Importante mesmo é que você venha a ter a grande satisfação de produzir seus livros e outros escritos.

O autor espera que você se anime com o relato, aproveite suas recomendações e, se não começou, que passe logo a escrever. E que, ao publicar seus escritos, tenha a satisfação de receber de seus leitores uma resposta altamente animadora.


Livro disponível na versão impressa e eBook na Amazon.
(3 de agosto de 2016)

0 Comentários:

Fazer um Comentário



Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial