Blogger Template by Blogcrowds.

O título original deste livro de enorme sucesso no mundo todo, de autoria do sueco Jonas Jonasson, fala de um senhor de 100 anos de idade. Não apenas um ancião, mas um em especial que antes da comemoração de seus 100 anos, em uma casa de repouso, com a presença do prefeito e da imprensa, resolve pular a janela e desaparecer no mundo. E aí ficamos sabendo de toda a vida pregressa, de seus encontros com Truman, Stalin, Franco, Mao Tse Tung, madame Chiang Kai-shek, Lyndon Johnson, De Gaulle, Kim II-sung, e outros. Das pessoas que conheço atualmente só uma seria capaz de todas estas proezas: meu amigo Washington, quando completar os 100 anos de idade. O livro é uma grande gozação. Uma fina crítica aos costumes suecos e a toda a história recente do mundo ocidental. Fez-me lembrar um livro que li na infância, "As aventuras do Barão de Münchhausen". E, no final, a gente conclui que viver cem anos não é tanto assim, que beber muita vodca faz bem, e que a vida passa rápida demais.

0 Comentários:

Fazer um Comentário



Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial